CLICK!

CLICK!

CLICK!

CLICK!

CLICK!

CLICK!

CLICK!

:: RUI BENEDITO ::







Select from Portuguese to English, French, Spanish, etc






RUI BENEDITO

Campeão Nacional de kayaksurf 2004


Rui sempre a manobrar!




Os entrevistados nesta página têm, habitualmente, um percurso considerado "clássico" até chegarem ao kayak surf. Muitos começaram nas águas planas -maratona, pista, etc -, depois passaram às águas bravas e, quase por curiosidade, acederam em experimentar os kayaks nas ondas do mar. O Rui Benedito é o oposto. No seu lado mais "clássico", encontramos-lhe um curso de monitores de canoagem promovido pela Federação Portuguesa da modalidade. No resto, o homem que ficou em segundo lugar no ano passado e sacou a primeira posição no campeonato deste ano, é um kayaksurfer de raiz. Em tom de brincadeira, até costuma dizer que, ao contrário do habitual, tem muita curiosidade em "fazer rios". Para além do mais, como o próprio também justifica, sempre foi mais fácil ir de Linda-a-Velha até à praia do que até ao rio de jeito mais próximo. Hoje, com 27 anos, o Rui já acumula uns anitos de ondas e, se bem me pareceu durante esta entrevista, muito dificilmente trocaria esta vertente da canoagem por outra... é que o mar tem destas coisas. Apaixona.

www.kayaksurf.net - Há quanto tempos praticas canoagem?

RUI BENEDITO – O meu 1º contacto com a canoagem foi por volta de 1995 a convite do meu primo e é graças a ele tudo o que sei sobre a canoagem, (tem sido uma espécie de mentor, um abraço e obrigado) ficou o bichinho e só em 3 Ago.2000 comprei o meu 1º Kayak - um Rainbow DNA - e aí sim comecei a ser praticante.

E com que frequência fazes kayaksurf?

Depende da minha disponibilidade e das condições do mar, mas sempre que posso estou lá.

Onde costumas apanhar ondas?

No Início, até para praticar bem a esquimotagem, iniciei-me em Carcavelos e na Lagoa de Albufeira. Depois, foi a evolução natural. Comecei e explorar a Costa da Caparica e agora a minha praia de eleição é em Ribeira d'Ilhas (IMAGEM DO LADO) - isto apesar de algumas "fricções" que por lá vão ocorrendo com a tribo surfista que parece não entender que o mar é de todos...

E rio... não costumas fazer ou a atracção pelo mar é mais forte?

Basicamente só faço ondas, a minha experiência em rio é muito pouca - encontros anuais do rio Minho, Nabão e alguns passeios pelo Alva, Paiva, Paivoco e Zezêre mas espero em breve alterar esta situação. .

Mesmo assim, apesar da tua pouca experiência em rio, quais as diferenças fundamentais que apontas entre a canoagem de águas bravas e de ondas?

O rio muda constantemente (ex.caudal, pedras deslocadas, ramos, etc) e no mar já sabemos previamente com o que podemos contar.

Mas consideras importante a experiência de rio para o mar (ou vice-versa) ?

Da minha pouca experiência penso que sejam modalidades interligadas e que se complementam mas penso que as ondas são uma boa base para o rio isto porque considero o rio mais difícil.

Visto seres mais um homem de mar, quais as condições essenciais que apontas ao canoísta que queira iniciar-se nas ondas?

Um grande respeito pelo mar, pelos nossos limites e por todos aqueles que se encontram dentro de água e, acima de tudo, muita persistência e alguma destreza sem nunca descurar o equipamento adequado para a prática da modalidade.

E sobre material, qual o kayak que preferes?

Tenho curiosidade em experimentar um de carbono com respectivos finos que deve dar uma velocidade bem superior aos de plástico mas dentro destes, acho o Prijon Delirious (FOTO do LADO) excelente porque conjuga alguma dessa velocidade com a possibilidade de efectuar manobras que os outros não permitem.

Independentemente do kayak, qual o tipo de manobras que mais gostas de fazer?

Gosto muito dos aéreos, tenho de aprender, se souberes de alguém que me possa ensinar...

E agora uma questão mais polémica... Já vimos que defendes a sério o kayak surf mas, a nível nacional, como comentas a evolução desta modalidade?

Pois é... ora... vamos lá por fases: Condições/prós - são óptimas, naturais e de custo zero, quer de rio como de mar. O número de praticantes tem vindo a crescer, quer em quantidade como em qualidade e podem vir mais que há espaço para todos e são sempre bem vindos. Logo não percebo??? Rien, népia, nicles???porquê???
Resposta: condicionantes/contras - entidades como Federação Portuguesa de Canoagem,...blá, blá, blá...enfim...Então, aqui fica a pergunta: para quando um apoio institucional destas entidades para este "marabulástico" desporto. Será que têm algum problema oftalmológico??? A malta faz uma vaquinha e compra-vos uns óculos ou serão vocês os únicos que não vêm que dentro da canoagem estas são as vertentes em franca expansão. Não sei de que provas mais estarão vocês à espera??? Deixem-se de politiquices, burocracias e monopólios. É por estas e outras imposições que muita coisa não anda para a frente. Um convite:dêem-se ao trabalho de saber o que é isto do KayakSurf, FreeStyle, Rodeo e CreeK. Reconheçam-no como desporto e tomem iniciativas em apoiar e, quiçá, organizar provas destas vertentes da canoagem. Pensem bem no caso. Aproveito para dar os parabéns aqueles que têm vindo a fazer algo por esta modalidade que é o caso do CCABP e ao teu site que têm vindo a beneficiar positivamente o KayakSurf em Portugal. Aproveito tb para deixar uma dúvida no ar, onde é que se meteram os participantes do ano passado? É que este ano havia muitas caras novas, e ainda bem. Tal como a agradável surpresa feminina. Lembrem-se que é a única "prova" portuguesa que temos. Apareçam, participem, troquem ideias, conhecimentos e acima de tudo, convivam.

Qual o significado pelo primeiro lugar na prova de Peniche?

Esta prova é denominada como campeonato internacional de KayakSurf mas na minha opinião - e penso que também seja a ideia dos organizadores - é mais a do convívio do que propriamente uma competição. Isso foi o mais importante.

Que mensagem deixas aos kayaksurfers que por aqui passam...

Apoiem todos os eventos que surjam no país porque sem o vosso apoio este desporto não evoluí. Peguem nas barcaças e demostrem o vosso talento.




Rui Benedito a demonstrar como se surfa uma onda... sem pagaia.


Trabalho publicado em 15 de Setembro de 2004

Texto - Luis Pedro Abreu

Fotos - www.activ-photo.com e LP Abreu





VISITA A SECÇÃO MEGA!





MAIS INFORMAÇÕES NO SITE OFICIAL DA GATH



MAIS INFORMAÇÕES NO SITE OFICIAL DA ROBSON





HOME
ORIGINS OF SURFKAYAK
GEAR
SIT-IN MODELS
SIT-ON-TOP MODELS
WAVE-SKI SECTION
GREAT INTERVIEWS!
PHOTOS
VIDEOS

HISTORY OF THE CHAMPIONSHIPS
MOVES
SURFKAYAKING RULES
CALENDAR OF THE CONTESTS
FULL REPORTS
NATIONAL RANKING
LINKS!
MORE LINKS

SURF ETIQUETTE
NEWS TEAM
COURSES AND FORMATION
GREAT PICS!
CREDITS
FORUM
NEWS SECTION
WEATHER & WAVES



Copyright 2006 Todos os direitos reservados - Luis Pedro Abreu

kayaksurf@gmail.com