CLICK!
CLICK!
CLICK!
CLICK!
CLICK!
CLICK!
CLICK!
CLICK!


CLICK!
:: TRACY SHERRINGTON ::












Tracy Sherrington

CAMPEÃ DO MUNDO 2007 CLASSE IC

Tracy Sherrington - Fotos: Ian Sherrington

Tracy é uma persistente. Anda envolvida na canoagem desde 1988, desceu muitos rios e surfou em vários países. Iniciou-se nas competições de kayaksurf em 1997 no Mundial de Thurso, na Escócia, e desde aí, o vício da competição nas ondas ficou-lhe para sempre. De acordo com a Federação Escocesa de Canoagem, Tracy possui o nível 4 como monitora de canoagem indoor e nível o 5 no kayaksurf mas, voltando ao início destas linhas, Tracy finalmente atingiu o topo da sua carreira no kayaksurf – campeã mundial. Apesar das muitas lesões que a têm afectado nos últimos anos, não desistiu das ondas. É campeã escocesa de kayaksurf desde 1997 e em 2001, venceu a classe HP na mítica prova de Santa Cruz, Califórnia. Hoje, para além de legar toda a sua técnica e sabedoria aos alunos que a seguem nas ondas, Tracy vê chegar o reconhecimento de vários anos dedicados ao kayaksurf. Sente-se muito agradecida a todos quantos a ajudaram e está ansiosa por 2009 para rever todos os amigos no Mundial a realizar em Portugal.

Tracy Sherrington

www.kayaksurf.net - Olá Tracy. Campeã do Mundo! Contavas que este campeonato te corresse tão bem?

TRACY SHERRINGTON – Não. Andei amaldiçoada com uma série de lesões nos últimos anos. Desde uma dupla deslocação do ombro em 2004 que me impediu de surfar durante um ano e meio e perder o mundial da Costa Rica até uma lesão que fiz na coluna enquanto esquiava em Abril de 2007! Mas durante todo este tempo continuei a dar treino e isso ajudou-me a estar em contacto com as ondas.

Como é que está o kayaksurf na Escócia?

O kayaksurf está fantástico na Escócia – eu adoro a Costa Norte. Temos fundos rochosos de luxo, praias desertas e grandes ilhas na Costa Oeste para explorar. Os nossos spots de surf têm paisagens selvagens e lindíssimas. São áreas igualmente pouco povoadas e inexploradas, apesar de agora estarmos a ficar um pouco mais frequentados devido aos surfistas de fora! Podemos dar cursos durante 5 dias e nunca encontrarmos ninguém nas ondas! Algumas pessoas podem dizer que é frio mas isso é só entre Janeiro e Abril! (normalmente é a minha época de esqui). Nós temos na Escócia um bom grupo de kayaksurfistas simpáticos e amistosos e uma longa tradição em atletas tecnicamente muito bons incluindo vários campeões mundiais em diversas categorias. Agora temos é que treinar mais os surfkayaks mais pequenos porque não estamos habituados – são demasiado pequenos para as ondas que costumamos surfar em Thurso! Portanto, estejam atentos no próximo Campeonato Mundial em Portugal!

Já sabemos porque falhaste a Costa Rica (2005) mas estiveste na Irlanda no Mundial de 2003… que diferenças vês desde aí até ao kayaksurf de agora?

As principais diferenças que eu vejo desde a Irlanda de 2003 até ao País Basco de 2007, prendem-se com a importância que as manobras de finalização adquiriram na pontuação do surf. Agora estão a ganhar-se cada vez mais heats se a onda for concluída de uma forma espectacular. Todo o aproveitamento da onda fica em causa se concluis com uma queda. Também foi novo para mim resumirem as classes a HP (surfkayaks pequenos) e IC (longos) – o que não deixa de ser estranho porque nos obriga a ir para o mar com surfkayaks que podem não adaptar-se às condições do mar naquele momento. Ainda não estou convencida de que esta seja a forma mais correcta de organizar as provas pois retira-te a possibilidade "táctica" de seres tu a escolher o surfkayak mais adequado…

E agora acerca deste Campeonato de 2007… fizeste algum treino em especial para Bakio e Mundaka?

Conclui o meu nível 5 como monitora de kayaksurf durante 2007 até à data do Campeonato e parte do meu treino de 2006 também foi destinado a este objectivo. Peguei na minha carrinha e levei um dos meus alunos de longa duração desde a Escócia numa surf trip até ao País Basco e Portugal – com o regresso a casa, levámos 5 semanas. Fomos explorando as praias e surfando durante a ida e volta até à Escócia. Conhecemos gente muito boa, divertimo-nos à brava e aproveitámos até para conhecer melhor Bakio e Mundaka. Dei muito treino mas não surfei assim tanto devido à minha lesão (a tal que fiz nos Alpes enquanto esquiava). Eu acho que estava preparada para fazer um bom trabalho em alguns dos meus heats porque já tinha uma técnica de surf bem estudada. Dar tanto treino a tanta gente para competir, tomar tantos analgésicos e ser muito bem tratada pela minha equipa… tudo ajudou!!!



North Glasgow College - onde Tracy é professora



O que é que gostaste mais no Mundial de 2007?

Do que gostei mais, foi do ambiente de camaradagem que reinou no campeonato. A maioria da selecção Escocesa nunca tinha participado numa prova tão grande e estavam algo apreensivos mas, no fim, todos simplesmente adoraram. Adoraram conhecer outro pessoal do kayaksurf e ver como eles surfavam. A única coisa que nos assustava, era vermos o "quebra-coco" de alguns dos dias. Na Escócia, habituados como estamos a boas ondas, nunca teríamos surfado em condições como aquelas!!!

Aspectos a melhorar para o próximo Mundial...

Acho que na próxima vez deviam conseguir reunir todo o evento num só local (o Mundial decorreu entre Mundaka e Bakio) e prestar mais apoio na questão dos alojamentos. Também acho que deviam baixar os custos das inscrição porque houve alguns elementos da nossa selecção que quase eram excluídos devido aos altos preços.



Tracy surfing



Diz-nos agora que material usaste para ganhares este mundial...

Este ano surfei com o meu Double Dutch Screamer Long Boat (kevlar e carbono) - o Neil Baxter conseguiu pô-lo mais leve do que todos os que tinha feito. A minha pagaia tembém é feita pelo Neil Baxter e é toda em carbono, pás e tubo. Quanto ao resto do meu material, era o todo da Kogg e feito à medida para as condições da Escócia. A empresa já fechou e agora vou ter o apoio da Reed Chill Cheater que irá fazer tudo à medida. Eu acho isto importante porque é muito difícil encontrar equipamento para canoagem feito à medida para raparigas.



O Double Dutch Screamer (Long Boat / IC) que Tracy surfou no Mundial



Onde te sentes mais à vontade... IC ou HP?

Eu vejo os "longos" e os "curtos" como os IC e os HP. Eu adoro o meu IC porque é confortável e muito versátil para treinar, mesmo com as minhas maltratadas costas, consigo sentar-me e gozar o meu surf - não o conseguia num kayak mais curto!! Por agora, estou à espera de um novo HP da Mega que deve ser mais confortável.

E em 2009, o Campeonato do Mundo será realizado em Portugal. Gostaste da decisão?

Eu acho que irá ser fantástico. Eu nunca fui até essa parte do país (Peniche) e estou ansiosa para conhecer e a selecção escocesa quer surfar águas mais quentinhas! Se a organização tratar bem das questões de segurançla, estou certa de que tudo irá correr bem.





Quem são os teus mentores no kayaksurf?

A Selecção Escocesa - tenho passado muito do meu tempo a treinar e a encorajar muita gente na Selecção e, quando eu andei a sofrer mais das minhas costas, eles foram mesmo mesmo fantásticos comigo. Aturaram-me, motivaram-me e fizeram-me rir!! O meu marido, Ian, com que me farto de surfar e foi o meu treinador de nível 5. Ele é excelente porque me conhece muito bem e sabe quando me há-de dar um empurrão, e é ele que me atura quando estou temporadas fora nas minhas surf trips!! Também agradeço aos da velha escola do surf na Escócia - Jock Young, Jonh Ingles e o Neil Baxter porque sempre me encorajaram e sempre trataram do meu equipamento. Foram eles que me fizeram entrar junto aos rochedos em Thurso num dia em que estava POTENTE e, por último, os meus colegas e alunos do North Glasgow College que me disseram que tinha que vencer em Bakio porque senão, mais valia não voltar a casa e eu naõ deixei ficar mal!! Uma das meninas chamada "Squeak" não parou de me enviar mensagens dizendo para eu não me lamentar das dores nas costas e encarar tudo de um forma positiva. As finais realizaram-se no dia em que fez um ano que o Pai faleceu e eu pensei bastante nele. Ele sempre soube que eu era uma "menina da água" e tinha muito orgulho em mim...



Scottish Surf Kayaking Team at Mundaka/Bakio World Champs 2007 / Opening Ceremony by Ian Sherrington



O teu spot favorito para surfar...

North Coast of Bonnie Scotland

Conhecias o kayaksurf.net?

Sim - muito bom. Grande trabalho!



Pormenor da Costa Norte da Escócia



Últimas palavras para os leitores destas linhas...

Mal posso esperar pela a recuperação das minhas lesões para começar a surfar a mais de 40% das minhas capacidades para variar! Também estou ansiosa pelo meu novo MEGA que está quase a chegar para o testar no final da minha temporada de neve. Por fim, espero encontrar todo o pessoal nos Home International que se realizarão em Portugal em Outubro de 2008.

Amem o vosso surf

Tracy S xxxxxxxxxx

Thanks Tracy! Encontramo-nos em Portugal.


SPONSORS DE TRACY SHERRINGTON







Trabalho publicado em 15 de Fevereiro de 2008

Texto - Luis Pedro Abreu

Fotos - Ian Sherrington







VISITA A SECÇÃO MEGA!





MAIS INFORMAÇÕES NO SITE OFICIAL DA GATH



MAIS INFORMAÇÕES NO SITE OFICIAL DA ROBSON





HOME
ORIGINS OF SURFKAYAK
GEAR
SIT-IN MODELS
SIT-ON-TOP MODELS
WAVE-SKI SECTION
GREAT INTERVIEWS!
PHOTOS
VIDEOS

HISTORY OF THE CHAMPIONSHIPS
MOVES
SURFKAYAKING RULES
CALENDAR OF THE CONTESTS
FULL REPORTS
NATIONAL RANKING
LINKS!
MORE LINKS

SURF ETIQUETTE
NEWS TEAM
COURSES AND FORMATION
GREAT PICS!
CREDITS
FORUM
NEWS SECTION
WEATHER & WAVES



Copyright 2006 Todos os direitos reservados - Luis Pedro Abreu

kayaksurf@gmail.com